TCE anuncia que fará auditoria no sistema ferry-boat que liga Salvador a Itaparica

O Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) realizará uma auditoria especial no sistema ferry-boat, que liga Salvador a Itaparica, e também nos barcos que fazem a travessia Salvador-Mar Grande, para avaliar a qualidade dos serviços prestados à população, em razão da série de denúncias e reclamações feitas por usuários.

A auditoria, a ser realizada ainda em 2020, foi determinada pelo presidente do TCE-BA, o conselheiro Gildásio Penedo Filho, em atendimento a um pedido feito pelo conselheiro vice-presidente da Corte, Marcus Presídio, na sessão plenária da última terça-feira (13).

Na oportunidade, o conselheiro Marcus Presídio observou que tais problemas e dificuldades têm sido relatados diariamente pelos veículos de comunicação, a exemplo das grandes filas, a pouca disponibilidade de guichês de venda, falta de passagens com hora marcada e presença ostensiva de cambistas que cobram preços extorsivos pelos bilhetes de embarque, aproveitando-se justamente das dificuldades, além de carências flagrantes existentes nas embarcações e nos terminais de embarque e desembarque.

O conselheiro-corregedor Inaldo Araújo ainda pediu atenção aos problemas das concessões de transporte rodoviário, concessões de rodovias, dos transportes marítimos de travessias a partir de Mar Grande e Morro de São Paulo, dentre outros.